Ecomuseu Itaipu Vale a Pena? Tudo o que Você Precisa Saber!

Para quem busca unir entretenimento e o contato com a natureza e sua grandiosidade, o Ecomuseu Itaipu é uma excelente opção de passeio para você que vai até Foz do Iguaçu. Mas, será que o Ecomuseu Itaipu vale a pena?

Assim, vamos mostrar abaixo se o Ecomuseu Itaipu vale a pena ser incluso no seu roteiro de viagem para a cidade do oeste do Paraná.

Com quase 35 anos de história, o Ecomuseu Itaipu é ponto obrigatório para quem vai visitar a cidade de Foz do Iguaçu e conhecer a Usina Hidrelétrica de Itaipu, próximo à região do centro.

De fato, mais do que apenas visitar, é a chance de descobrir um pedaço da história do nosso próprio país em cada sala do espaço.

Portanto, se você se interessou, fique conosco para ver as principais atrações do museu e como é o funcionamento de modo a agendar a sua visita na próxima vez que for ao estado da Região Sul com as vantagens da Mala Pronta Foz.

Localização

🚗 Onde fica

O Ecomuseu fica na Avenida Tancredo Neves, s/nª, dentro do Parque Nacional do Iguaçu, ao lado do aeroporto da cidade e de Itaipu Binacional.

Locais mais próximos

  • Itaipu Binacional (a mil e quatrocentos metros)
  • Parque Nacional do Iguaçu (a 26,5 Km)
  • Centro de Foz (cerca de 8 Km)

Origem do Ecomuseu Itaipu

Primeira iniciativa do segmento em toda a América Latina, vale a pena conhecer o Ecomuseu pelo fato de o visitante poder conhecer mais sobre a construção da Usina de Itaipu e entender mais sobre a sua história através dos itens do museu que representam esse espaço museológico especial no Brasil.

O Ecomuseu fica localizado na Avenida Tancredo Neves e de fácil acesso para todo o complexo de Itaipu e compreende toda a área de atuação da Usina.

Dessa forma, demanda ações que buscam preservar o aspecto histórico do projeto que ascendeu o país como referência histórica na região do Mercosul e no mundo em produção, geração e distribuição de energia.

Os visitantes têm acesso às ações que visam os seguintes objetivos:

  • Preservação;
  • Pesquisa;
  • Conscientização.

Tudo começa em 1987, cinco anos depois do fim da construção da Usina de Itaipu, construída na divisa entre o Brasil e Paraguai de forma a produzir e distribuir energia entre os dois países.

A Itaipu Binacional foi construída entre 1975 e 1982 com participação majoritária do Brasil em parceria com o governo paraguaio, sendo a maior barragem do mundo por mais de 20 anos.

Logo depois da finalização da obra, a ideia inicial era de um local para exposição dos achados de arqueologia, motivando a fundação do espaço.

Principais objetivos

O museu localizado em Foz do Iguaçu tem como principais objetivos:

  • Entender mais sobre a história da construção da Itaipu Binacional com foco na preservação da sua história desde o início de tudo;
  • Apresentar as pesquisas e comunicar todo o patrimônio cultural presente na região;
  • Dar fomento ao desenvolvimento cultural e manter viva a memória da Usina.

O que se encontra no Ecomuseu Itaipu?

Além de observar todos os objetos encontrados durante a construção da Itaipu Binacional, o passeio dá acesso a toda a fauna e flora de Foz do Iguaçu e região das Cataratas, que está na tríplice fronteira entre o Brasil, Paraguai e Argentina.

Materiais históricos

O visitante tem acesso ao circuito especial de pesquisas, estudos e inventários desenvolvidos durante a construção, como a maquete da construção, de cada turbina construída e das passarelas de todo o parque.

Dessa forma, dentro do acervo histórico, estão registradas as informações sobre a região que deu lugar à Itaipu Binacional, os depoimentos dos trabalhadores que fizeram parte da construção de Itaipu, o descritivo de todas as fases da obra e o reflexo nos municípios vizinhos.

Além disso, você encontra um exemplar de um eixo de turbina e conhece a grandeza do objeto.

Registros naturais

Além dessa maravilha de cenário, no passeio encontram-se também vestígios dos mais de 200 sítios presentes na região. Sejam produtos cerâmicos ou pré-cerâmicos, vale a pena visitar todo o refúgio biológico disponível.

Portanto, são mais de 900 espécies encontradas em toda a região da barragem e que compõem todo o acervo natural. O Ecomuseu também tem exemplares de animais característicos da região, por exemplo, além de toda a coleção geográfica e etnográfica.

Atividades educacionais

Além de conhecer todas as peças históricas, a viagem também permite aos visitantes desenvolver atividades voltadas para a preservação da história e conservação da natureza.

Dentre os passeios no museu, o visitante conhece a Rede Regional de Cultura e Patrimônio da Bacia do Paraná 3, que tem o funcionamento durante todo o ano.

Assim, durante a visita, o visitante desenvolve atividades de:

  • Formação continuada nas áreas de Gestão de Cultura e de Patrimônio;
  • Espaços para fóruns de cultura e debate sobre a preservação ambiental;
  • Centro de integração com eventos especiais;
  • Exposições itinerantes em todo o Parque Nacional do Itaipu.

De fato, fortalecer a cultura local e trabalhar para o fortalecimento da natureza e da história de Foz do Iguaçu está entre os objetivos do circuito especial do Ecomuseu.

Estrutura

Além do prédio principal, o Ecomuseu de Itaipu tem mais três prédios auxiliares que podem ser visitados, onde são feitas exposições temporárias, em que cada sala tem obras de arte, fotos e outras expressões culturais de artistas regionais, por exemplo.

E tudo isso com uma vista panorâmica de todo o Parque Nacional do Itaipu, admirando as Cataratas do Iguaçu, principal ponto turístico de Foz do Iguaçu.

Vantagens do Ecomuseu Itaipu

O Ecomuseu de Itaipu é uma grande oportunidade de explorar mais da história da cidade de Foz de Iguaçu, um dos locais mais bonitos do Brasil.

Além disso, está no Parque Nacional do Iguaçu, o local no qual o visitante pode conhecer uma dos patrimônios mundiais do meio ambiente e a segunda maior usina do planeta e produtora de mais da metade da energia consumida no Brasil, localizado na divisa com o Paraguai.

Por fim, os passeios ainda contemplam a visita à fauna e flora da região.

Como adquirir ingressos para o Ecomuseu Itaipu?

Os ingressos podem ser comprados diretamente pelo site do Ecomuseu, onde o visitante adquire por meio de agendamento. Outra possibilidade é comprar diretamente com as agências de viagem em pacotes que podem contemplar:

  • Passagens;
  • Hotel;
  • Passeios dentro do Parque;
  • Alimentação.

O horário de funcionamento é de quarta a segunda-feira, incluindo o domingo, das 10h às 17h. A visita dura no total 2 horas e meia, sendo possível ocorrer tanto em Português quanto em Inglês e Espanhol. Porém, o museu não funciona na terça para fins de manutenção.

Os valores ficam de acordo com a localidade do visitante:

  1. Os brasileiros pagam R$14 para crianças até 11 anos e R$50 para adultos;
  2. Residentes nos países do Mercosul gastam R$14 até 11 anos e, de 12 anos para cima, cerca de R$66.
  3. Estrangeiros pagam, dentro dos mesmos critérios, R$14 ou R$83.

Mas, se não for possível ir até o museu e ver a usina, é possível ir sem sair de casa com o tour especial em 360 graus, através da visita panorâmica.

Visita Panorâmica ao Ecomuseu de Itaipu

Lançada em outubro de 2020, em comemoração aos 33 anos de história, a visita panorâmica é o serviço especial criado pela administração do Parque Nacional de Itaipu e do Ecomuseu com vistas a introduzir os visitantes a todo o acervo do museu sem ser preciso sair de casa.

E dá para fazer as visitas diretamente pelo site da Itaipu Binacional ou pelo site do Complexo Turístico Itaipu.

Dessa forma, essa iniciativa está atendendo uma tendência mundial decorrente da pandemia de COVID-19 e que tem tudo para permanecer mesmo com o retorno da visita presencial: o passeio especial online.

O que contempla a visita?

Acessando a plataforma, vale conferir tudo: todos os corredores e cada sala de exposição, conferir detalhadamente todas as obras do acervo e visitar a história da construção da usina, desde a ocupação da terra até o funcionamento de uma turbina que capta a água e gera energia até a maquete de Itaipu.

Por fim, também é legal ver as fotos dos operários em todo o processo de construção.

Dentro do Ecomuseu, tem a sala Ciência em Esfera, que possui imagens animadas do Planeta Terra e de outros planetas do Sistema Solar. Na sala, o visitante conhecerá:

  • Fotos;
  • Maquetes;
  • Itens arqueológicos;
  • Depoimentos dos trabalhadores que estiveram na construção da Itaipu Binacional.

Finalmente, as placas de indicação podem ser visualizadas, formando um arsenal incrível de informações sobre o espaço. É só o usuário clicar na tela que conseguirá ver tudo o que existe no parque.

O ecomuseu é apenas uma parte de todo o passeio no Parque de Itaipu, um refúgio biológico de espécies e destino especial de casais que buscam a região para a viagem de lua de mel.

Existe vida além do ecomuseu? Sim!

Parque Nacional de Foz do Iguaçu: Usina hidrelétrica de Itaipu Binacional

Complexo criado desde os anos 1980 e patrimônio nacional e mundial da UNESCO, o parque localizado em Foz do Iguaçu, no oeste paranaense, é composto pelo ecomuseu, a usina de Itaipu Binacional e as quedas mais famosas do mundo.

Destino procurado por brasileiros e turistas de todo o mundo, é possível passear de barco pelo rio ou cruzá-lo a caiaque na foz do rio.

Se a aventura é não cruzar pelas águas, o passeio não está perdido. Dá para conferir o maior conjunto de quedas d’água do mundo, proporcionando, em tempos de cheia, um espetáculo deslumbrante.

Portanto, seja andando por barco ou nas plataformas, é possível conferir as 275 quedas de 82 metros de altura e se impressionar com a beleza do lugar.

Roteiro de viagem

Foz do Iguaçu não tem apenas o parque.

Ao redor do lugar, há uma enormidade de opções de passeios que podem ser feitos a custo baixo e acessível para todos os bolsos. Ao redor de Foz do Iguaçu estão hotéis, restaurantes e outras opções no centro.

Com valores super acessíveis, é bastante interessante para quem deseja mais do que visitar o parque e conhecer mais do que a maquete de uma das construções mais impressionantes do mundo, mas se divertir com tranquilidade e recordar momentos inesquecíveis da sua viagem.

Visite Foz do Iguaçu!

Visitar Itaipu e o Ecomuseu é uma opção legal de passeio para quem deseja conhecer mais um pouco do nosso país e tem atraído milhares de turistas de todo o planeta bastante interessados em conhecer mais um dos cartões postais do Brasil para o mundo.

Mais do que as atrações tradicionais, é possível adquirir qualquer passeio na região com preços que super cabem no bolso, especialmente no centro da cidade. Dessa forma, é possível conquistar momentos inesquecíveis em família ou com os amigos.

Reserve na Mala Pronta Foz a sua visita ao Ecomuseu por preços super acessíveis e com as melhores condições de pagamento.

Gostou desse artigo? Deixe seu comentário e compartilhe as suas experiências com a gente.

Boa viagem!