Blue Park Foz vale a pena? Tudo o que Você Precisa Saber!

Foz do Iguaçu é um local famoso por estar situado na região das cataratas, atraindo milhares de turistas todos os anos para observarem a imensa queda d’água, sempre deslumbrante. Mas, lá, existe uma atração, o Blue Park Foz, que traz a seguinte pergunta: afinal, Blue Park Foz vale a pena?

Afinal, atravessando a fronteira com a Argentina, as centenas de cataratas que formam o complexo deixam os visitantes boquiabertos.

Além das Cataratas de Foz do Iguaçu, como principais atrações turísticas, tem a Usina de Itaipu e a Tríplice Fronteira.

Mas tanta água acaba trazendo uma pergunta: onde dá para chegar e dar um mergulho, passando um dia, se divertindo na água com a família?

Resposta: no Blue Park! O parque fica exatamente em cima das águas do Aquífero Guarani, o segundo maior reservatório natural de água do mundo. A água nunca acaba.

De fato, a sensação é de estar numa praia de verdade.

O marzão se estendendo pelo horizonte, o costão de pedras, a faixa de areia, as ondas e o empuxo da água. Está tudo lá. E mais: toda uma infraestrutura planejada para o visitante permanecer seguramente pelo tempo que estiver curtindo.

Vamos conferir com mais detalhes o que o Blue Park tem de bom, com nosso guia exclusivo. E dar um veredicto: afinal, o Blue Park Foz vale a pena?

Localização

Onde fica o Blue Park Foz?

Endereço Blue Park Foz: Rua Carlos Hugo Urnau, 756. Dona Amanda, Foz do Iguaçu.

Lugares próximos ao Blue Park

  • Iguazú Welness
  • Aquamania Parque Aquático
  • Parque Ambiental Omar de Oliveira

Foz do Iguaçu: Águas de Cataratas e Parque Aquático

O Blue Park ainda conta com a terceira maior praia termal com ondas do planeta, com 9 tipos de ondas. Elas chegam a alcançar 1 metro e 20 centímetros: só não dá para querer surfar perto das crianças!

E como fazer uma praia gigante com águas termais? Resposta: tecnologia e alto investimento.

Praia de brinquedo ou real?

Arquitetado para ser um belo parque temático, a ideia é imitar uma praia perfeitamente, sem faltar nada: ondas, correnteza, areia, quiosque… Mas, claro, que certas coisas não são necessárias, como água salgada ou buracos na areia, por exemplo. Afinal, este é para ser um parque seguro e agradável para toda a família.

Se quiser, é possível nadar até o “fundão”, com a tranquilidade de haver salva-vidas. Se as crianças quiserem construir um castelinho de areia, podem, pois, não irá faltar areia nem espaço.

Enfim, os momentos que você teria em uma praia comum, pode ter aqui também, com hotel para ficar por dias, restaurantes e tudo o mais.

Blue Park Foz vale a pena? Quais as atrações do local?

A diversão é garantida neste ambiente projetado para o banho, a caminhada e o descanso. Com 11 mil metros quadrados bem aproveitados, a extensão do parque permite rolês diferentes e algumas surpresas, com bastante espaço para as pessoas curtirem seus momentos numa boa.

Quiosques

Logo na entrada do parque estão localizados os quiosques, construções bem no estilo das praias do Nordeste do Brasil, com coberturas de palha e coqueirinhos para todo lado.

Além disso, os grandes guarda-sóis de palha também estão espalhados por alguns pontos do parque, ao lado de cadeiras, para garantir aquela sombra na hora que você quiser parar para comer.

As cadeiras são espreguiçadeiras e estão disponíveis em grande quantidade, ou seja, sem preocupação de ficar arrastando cadeira para onde você for.

Vale lembrar: a consumação é registrada nas pulseirinhas, então, não se preocupe em carregar carteira ou bolsa. Acerta tudo na saída!

Os quiosques devem atender bem a sua fome. Se quiser apenas um lanchinho, haverá lojas como 10 pastéis e coxinharia. Mas, para uma fome maior, claro, tem restaurante completo.

Os restaurantes que fazem parte do complexo foram bem distribuídos visando atender tudo que é gosto:

  • O Acqua Lounge é um bar com drinks e fica dentro da água;
  • O Pizza Crab tem pizzas e porções;
  • O Boat Grill tem espetinhos e outras opções em carnes e petiscos;
  • O Shark Burguer manda muito bem no hamburguer.

Já no Blue Store, você pode levar aquela lembrancinha do parque, além de encontrar acessórios como roupas, toalhas e chinelos. Melhor continuar nosso tour de volta para a água!

Toboáguas

Além da já citada praia (Blue Waves), as grandes piscinas podem ser aproveitadas pelas crianças que adoram os toboáguas, onde elas podem queimar suas energias à vontade. Crianças costumam ficar horas na piscina!

Nas modalidades Twist Tube (toboáguas com curvas) e Fast Fall (íngreme, alto e reto para queda em velocidade), os toboáguas são normalmente os brinquedos mais escolhidos pela criançada.

Quando estiver lá em cima, será dado a você uma pranchinha para escorregar pelo tobogã. Aí não tem mais volta. Fecha os olhos e vai! Na verdade, o bom é descer de olhos abertos para enxergar os túneis e tubos coloridos por dentro.

Projetados com segurança e com a assistência dos funcionários treinados, são brinquedos onde você pode deixar as crianças brincarem livremente. Isso se não decidir ir junto!

Se nunca você escorregou de um toboágua, chegou a hora. Aproveite, se solte e deixe a brincadeira levar você por essa experiência. No máximo, vai ficar um pouco tonto – e se molhar inteiramente!

Sunny Lake

Este lago é mais uma atração que também serve para embelezar o parque. É também um local romântico para os casais curtirem uma água mais calma, sem as ondas e o agito maior do povo na praia.

É ali mesmo que tem a tirolesa Blue Slide. Prepare-se para sair “voando” em grande velocidade, mas fique tranquilo que a tirolesa é super segura. Além disso, se fosse para cair, cairia na água. Brincadeira…

Aviso: o preço da Blue Slide é pago separadamente. Mas é uma emoção que vale muito! Só de observar a altura do elevador panorâmico de onde inicia o percurso, já dá para ter uma noção do que espera.

Sobre o Sunny Lake passa uma longa ponte de madeira, que balança bastante. Pedalinhos e barcaças estão disponíveis para curtir o lago.

Atravessando o lago, tem um grande galpão chamado Teatro Encanto Brasil, onde rolam atrações com coreografia, música, dança e atores. Dependendo da época do ano, há shows culturais diferenciados. Quem estiver hospedado num dos hotéis da área tem acesso livre ao teatro também.

Lembrando que mais um projeto novo vem aí, e já tem nome: é o Fantasy Island, em desenvolvimento junto a um rio temático. Será mais uma ampliação do parque focada no divertimento das crianças, com muita atração sobre as águas.

Está esperando o que para entrar na água?

É isso, turma! A partir dessa apresentação, esperamos que seu dia no parque possa ser proveitoso o suficiente, como se estivesse numa praia, mas também como se estivesse num parque aquático, pois a intenção é não deixar faltar nada nos dois quesitos.

Uma boa praia é sempre incrível, mas possui seus problemas costumeiros, como areia lotada, o mar muitas vezes “nervoso”, falta de ofertas de produtos ou falta de vagas para estacionar…

Esses perrengues você não irá enfrentar no Blue Park, pois tem para todo mundo! Além de que, se for com crianças, pode deixá-las “se perder” numa boa pelo parque, que tem o território bem definido.

Em adição à praia, é claro, há um exuberante parque com brinquedos e atrações. É bem provável que aquele que vá desejoso por praia curta também o parque, e aquele que quer o parque fique impressionado com a praia.

É tudo muito caprichado e funcional. Só falta sua presença. Vamos lá?

Abaixo responderemos algumas perguntas de ordem prática para tudo correr bem com sua escolha.

Qual o horário de funcionamento do parque?

O parque fica aberto às sextas, sábados e domingos, das 10 às 17h.

Qual o valor de entrada do Blue Park Foz?

Crianças de 1 a 6 anos pagam 20 reais. Crianças de 7 a 11 anos pagam 50 reais. O ingresso adulto custa 155 reais.

Eu posso deixar meus utensílios na areia ou nas mesas do parque?

O parque está equipado com um guarda-volumes para que todos possam guardar seus pertences e curtam o parque na maior leveza.

Tem piscina para gente grande também no parque?

Com toda certeza! É um parque para toda a família.

A praia artificial não é perigosa?

De modo algum.

As ondas artificiais respeitam um padrão projetado para crianças e idosos poderem sentir a sensação de estarem em uma praia calma, além do piso não contar com os buracos que normalmente as praias têm.

As rochas ficam afastadas e a água não puxa para elas.

Vale a pena ir ao Blue Park? Afinal, Blue Park Foz vale a pena?

Se você está querendo um amplo parque para ir com a família e encontrar um pouco de tudo, misturando calma e entretenimento, é uma boa pedida. Se quer um super parque focado em toboáguas e adrenalina, pode não ser a melhor opção.

Que outra atração daria para “emendar” para levar as crianças?

Vá direto ao Dreamland, um museu de cera com personagens irados, como os robôs gigantes dos Transformers, por exemplo e muito mais!

Cataratas de Foz ou Blue Park?

Se estiver com pouco tempo, vá naquele que estiver mais próximo e, se o tempo for muito curto, deixe o parque para um dia que puder curtir tudo.

Nesse caso, até as cataratas ficam sem graça, porque não é apenas sobre tirar fotos e sim sobre sentir o barulho da água e observar sua imensidão.